noticias

festa

Homenagem coletiva na Flipinha 2012

Um dos grandes encantos da Festa Literária Internacional de Paraty, a Flipinha, apresentou no começo da noite deste sábado uma homenagem coletiva dos autores convidados ao poeta Carlos Drummond de Andrade. Reunidos na tenda principal, que neste ano teve o formato de circo, cada um deles leu um poema ou um texto de Drummond, deixando como presente final para as crianças um cirandão poético.


A coordenadora, Gabriela Gibrail, observa que o novo formato proporcionou mais lugares para o público, que compareceu com grande animação a todos os eventos. Para ela, a Flipinha segue avançando em seu objetivo principal, que é o de estimular o hábito da leitura e contribuir para a preservação do patrimônio cultural de Paraty. “Tanto os escritores consagrados, como Luiz Fernando Verissimo, como os novos autores, despertaram grande interesse, e acredito que seguimos avançando nesse projeto, cada vez oferecendo conteúdos de maior qualidade literária”, comentou.


“Neste ano, tivemos ainda a volta dos bonecos gigantes de papier maché, que é uma tradição da região. Antes eles eram feitos por um mesmo artista e, neste ano, com o convite para quatro diferentes artesãos, conseguimos recuperar essa tradição e apresentar estilos diferentes”, acrescentou. Dedicada oficialmente à Flipinha desde 2005, Gabriela tem notado o aumento crescente na participação de escolas, que neste ano foram 44, além das instituições de ensino de outros municípios, como Angra dos Reis e Rio Claro.


Na sua opinião, o que ainda pode ser melhorado para as próximas versões é o trabalho de base junto às escolas, com a preparação das crianças em programas de estudo para que elas se interessem mais pela festa de livros. “Mas isso depende das políticas públicas de incentivo à leitura literária, o que ainda é muito precário”, lamentou. Com todas as dificuldades que representa a organização de eventos com grande número de crianças, seguimos avançando, com a renovação de autores e o lançamento de novos produtores de livros infantis de qualidade”, comemorou.

share
Logo da Casa Azul